Cone Sul

O Brasil se distingue como um dos países mais avançados em termos de inclusão de catadores (ou “catadores”) nos sistemas de gestão integra de resíduos sólidos.

O país possui uma estrutura jurídica que reconhece e promove a participação desses agentes na cadeia de valor da reciclagem, e os agente envolvidos tentam garantir a implementação eficiente dessas leis e regulamentos.

Os sócios da IRR estão participando atualmente no Projeto Cata Ação (www.cataacao.org.br) que vem trabalhando em 9 cidades do país (Natal, Recife, Salvador, Brasília, Manaus, Aracajú, Londrina, Abreu e Lima, e São Paulo) para formar e fortalecer as associações de catadores, além de integrá-los na cadeia de valor da reciclagem no País. Os resultados do projeto incluem a criação e o fortalecimento de 6 redes de comercialização de materiais recicláveis envolvendo 55 cooperativas de catadores em Brasília, Aracajú, Salvador, Recife, Londrina e Natal. Atualmente o projeto está em processo de sistematização e divulgação das lições aprendidas.

No Brasil também estão trabalhando para apoiar a implementação de um projeto de “Apoio aos sistemas de Coleta Seletiva em 11 Municípios de Minas Gerais” no intuito de desenvolver e/ou consolidar os sistemas de coleta na origem nos municípios de Araxá, Araxá, João Monlevade, Itaúna, Juiz de Fora, Sete Lagoas, Pirapora, Mariana, Ouro Preto, Contagem, Paracatu e Unaí. Esse projeto beneficiará 439 catadores e 18 cooperativas, e está sendo implementado pelo Serviço Voluntário de Assistência Social com a assistência técnica do Centro Mineiro de Referencia em Resíduos.

Chile

Atualmente a IRR  está implementando o projeto “Reciclagem Inclusiva: Governo, Empresas e Catadores” em quatro municípios (Recolecta, Quinta Normal, Santiago e Peñaloén) na área metropolitana de Santiago. Esse projeto beneficiará 400 catadores melhorando suas condições de trabalho, e aumentando a sua média de remuneração anual graças a uma operação bem sucedida de centros de recuperação municipais. O projeto possui interlocutores do setor público e privado, incluindo cinco empresas privadas (Coca-Cola Chile, PepsiCo, Gerdau, BASF e TetraPak) o Banco do Estado, os 4 Governos Municipais e o Programa Regional Santiago Recicla. O projeto é realizado pela Casa de la Paz com a assistência técnica do Movimento Nacional de Catadores do Chile (MNRCh, sigla em Espanhol).

O projeto está estabelecendo uma grande plataforma de colaboração com agentes para desenvolver um modelo bem sucedido de reciclagem inclusiva. Além disso, várias alianças foram formadas para garantir a incidência no desenvolvimento de políticas públicas de GIRS (Gestão Integrada de Resíduos Sólidos) para promover a inovação nos processos de reciclagem.

Paraguai

O Paraguai foi priorizado na estrutura da IRR, e possui um Comitê Nacional que está trabalhando para identificar, e contribuir para o desenvolvimento da reciclagem inclusiva no país.

A IRR trabalhou de 2011 a 2012 através da ONG Savia nos municípios de Luque e Encarnación na organização e capacitação dos catadores de base. Em Luque foi formada uma associação de catadores, e realizaram cursos de capacitação em GIRS (Gestão Integrada de Resíduos Sólidos) para os catadores, e para os técnicos municipais responsáveis pelo serviço. Em Encarnación criaram e fortaleceram a Mesa Coordenadora de Catadores do aterro através da capacitação e assistência técnica para estabelecer rotas de coletas seletivas desde grandes produtores de resíduos sólidos.

2 respostas a Cone Sul

  1. Humberto Pérez Gómez disse:

    Humberto Pérez Gómez Yo estoy buscando apoyo para mi proy , fue ganador de INNOVAR 2013 de uno de los premiados , consiste en fabricar bloques atermicos , y morteros polimeros con aridos del reciclado , los mismos permiten ahorrar energia y mantener el lugar sin variaciones termicas importantes , con este material del reciclado que incluye cualquier tipo de plastico se pueden construir pisos calles los cuales en comparacion al concreto comun tiene la ventaja que los dias que existe mucho sol puedas caminar delcalso sin sentir el calor que te pueda quemar los pies , si mi proyecto es de importancia , necesito que me ayuden a montarlo en cualquier parte del mundo donde se necesite disminuir la contaminacion ambiental y reducir el calentamiento global , yo solo soy el inventor del proyecto , no tengo capital y dinero para hacer que el proyecto se ponga en marcha , solo puedo hacer de forma artesanal los bloques y el cemento polimero para pegar , entre otros el hormigon para hacer los pisos , me encuentro sin ningun apoyo ni interes del municipio y muy necesitado de lograr una estabilidad economica en mi vida , el proyecto lo pueden ver en mi pag de facebook mi nombre es Humberto Pérez Gómez , pueden buscar el yootube por POLIESTRONG para ver los videos y tambien por MORTERO POLIMERO CON ARIDO DEL RECICLADO DEL PLASTICO . MI TEL 03484431198

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *